26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Deus é mais! - 02/04/2024, 09:12 - Da Redação- Atualizado em 02/04/2024, 09:29

Fake news com facção pode ter levado jovem para morte; entenda

Família levanta suspeita sobre notícia falsa que circulou nas redes sociais

Douglas Borges tinha 20 anos quando foi morto a tiros
Douglas Borges tinha 20 anos quando foi morto a tiros |  Foto: Reprodução/Redes Sociais

O assassinato de um jovem de 20 anos, que aguardava sua vez para disputar uma partida de futebol, em Feira de Santana, no dia 17 de março, pode estar próximo de ser desvendado. Isso porque a mãe da vítima suspeita que o crime tenha sido motivado por uma fake news que circulou nas redes sociais.

Jovem temia violência após notícia falsa

De acordo com a matriarca, Walquiria do Carmo, Douglas Borges havia registrado uma denúncia há cerca de quatro meses por ter tido a foto dele vinculada a uma facção criminosa. Ela ainda revelou que o filho até cogitou se mudar para outro estado brasileiro por medo de sofrer alguma violência.

"Passaram pra ele que essa foto estava sendo divulgada em alguns grupos de facções e tal e que já tinha tomado uma proporção muito grande, já tinha chegado até Salvador", destacou Walquiria durante entrevista à TV Subaé, afiliada da Rede Bahia.

Quem era Douglas

Diante da fake news, o jovem registrou um boletim de ocorrência em novembro de 2023, negando qualquer tipo de envolvimento com o mundo do crime. De acordo com a família, ele trabalhava como ajudante de obras em uma construtora e nas horas vagas jogava futebol.

Polícia se manifesta

Diante das declarações da mãe do jovem assassinado, o Portal MASSA! entrou em contato com a Polícia Civil para saber como andam as investigações e se o crime foi motivado por uma fake news. Em nota, o órgão de segurança informou que "a investigação está em andamento e os desdobramentos não estão sendo divulgados".

exclamção leia também